PROGRAMA DE VALORIZAÇÃO DO PATRIMÔNIO CULTURAL IMATERIAL

bbb

O Ponto de Memória Povos da Mata Atlântica é um programa cooperativo e participativo de registro, fortalecimento, valorização, apoio, disseminação e transmissão do patrimônio cultural imaterial relacionado as comunidades tradicionais e aos povos indígenas que vivem na Mata Atlântica.

Para quem não sabe, os Pontos de Memória são iniciativas de reconhecimento e valorização da memória social, de modo que os processos museais protagonizados e desenvolvidos por povos, comunidades, grupos e/ou movimentos sociais, em seus diversos formatos e tipologias, sejam reconhecidos e valorizados como parte integrante e indispensável da memória social brasileira.

bbb

As ações desenvolvidas, pautadas no fomento à criação de novos processos de produção e institucionalização de memórias referentes à diversidade social, étnica e cultural do País, visam garantir que o direito à memória seja exercido de forma democrática por indígenas, quilombolas, povos de terreiro, mestres e grupos das culturas populares, urbanas, rurais, de fronteira, e/ou que requerem maior reconhecimento de seus direitos humanos, sociais e culturais.

Atualmente, mantemos uma exposição itinerante denominada Lembranças de um Fandango Caiçara, a qual conta fotografias, textos, painéis, instrumentos, estandartes, entre outros elementos comuns a cultura caiçara e em especial ao Fandango Caiçara, o qual é considerado Patrimônio Cultural Imaterial Brasileiro desde 2012.

Em breve, disponibilizaremos um um aplicativo digital que conterá, entre outras coisas, essa exposição digitalizada, bem como, informações sobre as Mestras e os Mestres do Fandango Caiçara e de seus instrumentos musicais artesanais. O aplicativo também servirá como um guia digital sobre o turismo sustentável e a cultura e o patrimônio imaterial da região do Lagamar.

Também disponibilizaremos uma plataforma web chamada Acervo digital, na qual será disponibilizado todo acervo digital produzido pelo Ponto de Cultura desde a sua criação no ano de 2005. Atualmente, essa plataforma encontra-se em fase de teste e pode ser acessada clicando aqui.

O Programa Pontos de Memória nasceu articulado com a Política Nacional de Museus e com o Plano Nacional Setorial de Museus, os quais apresentam diretrizes e propostas construídas a partir de diversas instâncias de consulta pública e com ampla participação de profissionais envolvidos com a área museológica no Brasil. O Instituto Brasileiro de Museus (IBRAM), autarquia federal é o responsável pelo Programa.

Para saber mais e/ou apoiar esse projeto entre em contato: contato@povosdamataatlantica.org.br.

Apoio: Instituto Brasileiro de Museus- IBRAM

Tags

No responses yet

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Scroll Up